Primeira edição do InVivo Quest no Brasil foi além das expectativas dos organizadores

Superou as expectativas dos organizadores a primeira edição brasileira do Invivo Quest, batalha de startups realizada pelo grupo francês InVivo, empresa formada por cooperativas agrícolas da França, que, no Brasil, é acionista da CCAB Agro e da Agro-Sol Sementes. O concurso aconteceu em 26 de junho, em Piracicaba, e reuniu 14 empresas de inovação no agro, pré-selecionadas de um total de 40. A disputa se deu em parte da manhã e da tarde, com etapa de “desempate” à noite, durante a programação do Agtech French Brazilian Club, evento que incluiu painel sobre inovação agrícola e atração de investimentos internacionais e contou com um público estimado em 120 pessoas.

 

Cada empresa teve quinze minutos para apresentar seus negócios para o corpo de jurados. Esse júri estava dividido em quatro áreas de atuação: Financeiro, Comercial, Técnico ou Tecnologia para o Bem Comum. Os 16 avaliadores dos trabalhos pertencem a instituições e empresas relevantes no agro, como a Escola Superior de Agricultura Luíz de Queiroz (Esalq/Usp), o fundo de investimento Circle Access, o banco BNB Paribas, a Bioline, a CCAB Agro e a Agro-Sol Sementes, dentre outros.

 

O vencedor do Invivo Quest foi Igor Chalfoun, da TBIT Tecnologia. Formado em Ciência da Computação, o mineiro de Lavras disse que escolher o agro para trabalhar com tecnologia foi um caminho natural, pela proximidade com a Universidade Federal de Lavras (UFLA), uma das mais tradicionais do país em cursos ligados à agricultura e à pecuária. Também ajudou na decisão o fato de sua família ser fortemente ligada ao campo. Um dos fundadores da TBIT, ele conta que a empresa nasceu há dez anos, e, há cinco, entrou no mercado. A startup é fornecedora de instrumentos de classificação de sementes, grãos, rações e fertilizante. São onze modelos ao todo.

 

“Provemos tecnologias inédita no mundo, que vieram para facilitar a vida do produtor. Antes, esse trabalho de classificação exigia um especialista. Com as nossas soluções, ele passou a ser automatizado”, explica Chaufoun. Não demorou a surgir a demanda fora do país. A TBIT já exporta para os Estados Unidos, Chile, Argentina, África do Sul e trabalha no cumprimento de etapas para habilitar-se a exportar para os países da Europa.

 

“O Invivo Quest foi uma oportunidade muito interessante. Já tínhamos aproximação com a Business France e estreitávamos laços com a InVivo. Soubemos do concurso através da Embaixada da França e decidimos participar. Além de apresentar nosso trabalho para um júri muito representativo, e de passar a integrar o programa da InVivo de incentivo às startups, teremos a chance de acompanhar a delegação da companhia na CES Las Vegas 2020. Estar nesse evento era um sonho antigo”, afirma Chalfoun, referindo-se a um dos prêmios para o vencedor do InVivo Quest, a visita ao evento promovido pela Consumer Technology Association (CTA), que atrai líderes empresariais e pensadores pioneiros do mundo, anualmente. Também faz parte da premiação, um acesso privilegiado para concorrer ao Microsoft for Startups Program.

 

“As startups brasileiras foram muito bem selecionadas, apresentaram bom nível de maturidade e projetos interessantes. E as francesas, que foram escolhidas em seu país através de um evento semelhante, puderam ver de perto a realidade do Brasil, no qual pretendem atuar, iniciando um processo de reconhecimento do mercado e dos stakeholders locais”, diz o CEO da Bioline Latam e Agro-Sol Sementes, Eduardo Dallastra. Ele destacou a relevância do público, e a participação de algumas das mais importantes instituições acadêmicas do Brasil no Agro, a Esalq/USP e a Fundação Getúlio Vargas.

 

 

Sobre a InVivo

 

A Invivo é uma plataforma internacional que reúne 201 cooperativas agrícolas na França e representa mais de 300 mil produtores rurais de alimentos. A empresa possui três frentes de negócio: Bioline By InVivo (agricultura), Invivo Retail (varejo) e InVivo Wine (vinícola). Além destes, possui duas incubadoras de inovação: InVivo Food &Tech e InVivo Digital Factory. A InVivo está presente desde 2016 no Brasil, com a aquisição da Companhia das Cooperativas Agrícolas do Brasil (CCAB Agro) e da Agro-Sol Sementes.

 

Sobre a CCAB Agro

 

A Companhia das Cooperativas Agropecuárias do Brasil, CCAB Agro, é uma empresa brasileira formada por agricultores, em modelo de gestão empresarial, que oferece tecnologia em produtos fitossanitários químicos e biológicos para proteção de cultivos. Criada em 2006, como uma iniciativa de um grupo de produtores rurais do cerrado, que buscavam soluções de acesso a uma gama mais variada de produtos para proteção de cultivos no Brasil, a CCAB se tornou a empresa com maior programa de pós-patentes do país.

 

Sobre a Agro-Sol Sementes

 

A Agro-Sol Sementes é uma empresa mato-grossense que atua há 20 anos como multiplicadora de sementes de soja, sempre prezando pela qualidade do produto e a satisfação do cliente. Com foco no resultado e na qualidade da colheita para o agricultor, a Agro-Sol Sementes dispõe de uma moderna e inovadora infraestrutura, com produção de sementes 100% licenciada em parceria com as principais obtentoras de cultivares de soja, o que garante um portfólio abrangente e com as melhores opções para todo o estado de Mato Grosso. Além da força regional, a Agro-Sol conta com qualidade internacional, fazendo parte do grupo Bioline by InVivo.

 

05.07.2019

Imprensa CCAB

Catarina Guedes – Assessora de Imprensa

(71) 98881-8064